Converse conosco
pelo whatsApp
portal de clientes

BLOG INNOVAR

Notícias, dicas e curiosidades

Antecipamos a restauração da antiga Fábrica Rheingantz

08/04/2020



Nossa história com a cidade de Rio Grande não é recente, em 2012, em um leilão, arrematamos a antiga Fábrica Rheingantz. Em 2020, por sua vez,  entregamos ao município o Bairro Nova Rio Grande, um empreendimento que promete transformar uma parte da cidade: são 617 terrenos e uma área total de 560.000 m².

Quanto à Fábrica, as suas obras estavam previstas para ter início em 8 de abril de 2020, porém, foi necessário anteciparmos em 12 dias nosso cronograma original: sabemos de todo o carinho que a comunidade riograndina tem por esse espaço histórico, por isso, amparados por nossa equipe técnica, fizemos uma nova avaliação e verificamos que a deterioração da estrutura da Rheingantz, especialmente das madeiras que sustentavam o telhado, exigia que o restauro tivesse início imediato, tendo em vista, também, os sérios riscos de desabamento e, consequentemente, o possível comprometimento da fachada.

Embora o recente decreto municipal, publicado pelo Sr. Prefeito Alexandre Lindenmeyer, tenha instituído a suspensão das atividades na construção civil em virtude da COVID-19, o mesmo documento legal prevê exceção para estruturas com risco de desabamento, autorizando-nos a salvaguardar o prédio. Destaca-se que todo o nosso movimento neste momento de pandemia fez com que adotássemos o uso de máquinas mais pesadas a fim de trabalharmos com um número reduzido de mão de obra humana, além de seguirmos rigorosamente os protocolos indicados por especialistas.

"Nosso objetivo é manter viva esta memória que a cidade tem da Rheingantz. Este prédio é o mais icônico de todo o conjunto, tanto arquitetonicamente, quanto historicamente. Ele foi o núcleo de importantes decisões e é um marco da arquitetura de época. O prédio é cheio de detalhes, os quais estamos tentando preservar. Assim, trabalhamos muito próximos das orientações do Município, do Ministério Público Estadual e do IPHAE (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado), não poupando esforços para devolver o esplendor da construção e reintegrá-la ao uso e às necessidades da comunidade." diz Ricardo Henriques, Coordenador Jurídico do projeto.

COPYRIGHT © 2022 - Innovar Empreendimentos - Todos os direitos reservados.